Geral

Giro crítico e bem humorado

As bem-humoradas notas de João Lemes no país da política

O bom filho de volta ao PP

Por trás da máscara: Mara Rebelo, Fábio Monteiro, Valdir Pinto e o prefeito Tiago. Monteiro é afilhado de Valdir Pinto, líder progressista

Depois de sair do PP, o escritor Fábio Monteiro, foi estudar a vida de Jango e Brizola. Agora, porém, está de volta ao partido. O santiaguense deixa o velho PDT do Brisola e retorna aos braços do maior partido de Santiago, que há séculos governa o município. O estudo valeu, a história se consagra, mas os rumos do rapaz são outros.
E vejam: esse historiador é muito querido na cidade. Ganha o PP. Perde o PDT que o deixou escapar.

Os mascarados da Câmara

Gildo Fortes

SANTIAGO – O debate foi lindo segunda. Era Gildo e era Pelé (PP) e era Rafael (PP) No epicentro da peleia, o uso de máscara. Gildo (PL) disse que só ele usa a proteção para falar na tribuna e que os demais desrespeitam as normas.

Mas “óia o nivre!”

O ex-progressista disse ainda que ficam babando no microfone. Isso é perigoso. Mas o Rafael lembrou que tomam todos os cuidados e que só tiram para falar. Pelé arrematou dizendo para que Gildo “cuidasse do seu rabo”, e que este havia fugido da prefeitura. Sua saída do PP foi uma sorte porque vejam só o nível do Rafael Nemitz que hoje está conosco.

Décio Loureiro

Rafael ainda cobrou o uso de máscara na rua. Gildo lascou que não usa para não respirar seu próprio gás carbônico.

Depois o Décio (PP) entrou na jogada e “amolentou” mais um pouco o Gildo velho. Falou até em bola fora.

Dr. Gildo bola fora

“O senhor fez voltar um apelido lhe dado pela ex-vereadora Iara Castiel: bola fora. O senhor é doutor sobre máscaras. Sabe mais que a secretária estadual de Saúde, mais que os dois ministros do governo Bolsonaro. Mas o Dr. Gildo tá sabendo mais”, ironizou Décio.

A qualidade do Rafael

“O senhor saiu do nosso partido magoado, chateado. Mas “óia”, eu vou lhe dizer; a coisa melhor que o senhor fez foi sair do partido. Hoje nós ganhamos dinheiro porque foi uma troca muito boa. Olha a qualidade do Rafael e olha as tuas atitudes”, disse Pelé.

Pelos músicos

Já vi gente dizendo aos artistas: e fora a música, que mais você faz? Onde você trabalha? Perdoei-vos. Eles pensam que músico não é profissão. Mas é. Vejam agora que os canários não podem cantar. Quanta dificuldade!

O galo Mauro Ivan

Mauro Ivan, Wilson Paim e João Lemes

O cantor Mauro Ivan tomou a iniciativa de montar um projeto para apoiar os músicos, classe esta que é a mais prejudicada pelas quarentenas. Em breve ele vai divulgar essa grande ideia. Desde já pode contar conosco e tenho certeza que a sociedade vai ajudar.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios