Geral

Justiça proíbe o corte de telefone e internet por inadimplência

Uma liminar proibiu empresas de cortar o serviço de telefonia móvel e internet enquanto durar a pandemia. A ação civil pública tinha sido ajuizada pelo Fórum Nacional das Entidades Civis de Defesa do Consumidor. A decisão é da Justiça gaucha, mas é válida para todo o país, diz o presidente do movimento, Cláudio Pires Ferreira. Vale para pessoa física, mas as contas seguem gerando multas e juros.

Água e luz
Para a Corsan e as empresas de energia elétrica vale a mesma lógica, de que o fornecimento não será interrompido, mas o atraso da dívida gera a cobrança de encargos.

Sandra Siqueira

Sou empreendedora! Jornalista, radialista, administradora de empresas, palestrante e coach. E uma entusiasta do feminismo.

Artigos relacionados

Um Comentário

  1. Em relação aos evitamentos de cortes de telefone, luz e água, que são fundamentais à sobrevivência de todos, essas multinacionais e empresas NUNCA concederam benefício algum aos seus usuários, pelo contrário, impuseram cobranças em vários momentos ofertando um serviço mediano com um discurso espetacular e maquiado. Qual o sentido de ser solidário por um mês apenas??? essa prerrogativa que divulgaram do não corte de serviços não é coisa que se faça, pois nos obriga no mês seguinte e em outra oportunidade tirar mais dinheiro da carteira! São atuações históricas dessas empresas e não me convenço de algum dia fazerem algo de bem à sociedade e aos que precisam ter um momento de respiração limpa, de alívio… CORSAN, RGE Sul e Vivo/OI são os piores exemplos de humanização e solidariedade, e fico pensando: “Ah se todos parassem de pagar sem medo as contas por 3 meses mesmo com corte, para que elas repensem o prejuízo que tomariam e que não seriam nada sem nós, usuários, que, historicamente somos explorados e humilhados por elas… quando deixamos de ir ao supermercado ou à farmácia, ou mesmo de comprar um presente, para pagarmos as altas taxas e incidências de multas que elas nos impõem, todo mês, todo ano, incansavelmente, mesmo sendo falhas em algum serviço, porém, nunca é tarde para observar: são pontuais para cobrarem por qualquer meio que seja, por email, celular, correspondência (e até por sinal de fumaça se pudessem). Quê vergonha, quê descaso, quê deboche, quê indiferença…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios