Giro noticioso deste sábado, 21

Gabinete de Crise
Santiago – Foi instituído na tarde de sexta (20) pelo prefeito Tiago Gorski a criação de um Gabinete de Crise para centralizar a tomada de decisões e alinhar as iniciativas do município na prevenção e assistência à população em relação ao coronavírus. Caberá ao Gabinete de Crise passar as orientações e divulgar as ações de combate à disseminação do coronavírus e preservação da saúde pública.

Os decretos
Nesta semana foram assinados decretos que estabelece o fechamento por tempo indeterminado das escolas públicas e privadas e o funcionamento do comércio e estabelecimentos em gerais, que só podem abrir à tarde (de segunda a sexta). No sábado, pela manhã. No entanto, muitas empresas optaram por fechar temporariamente.

Continuam funcionando normalmente os serviços considerados essenciais, como supermercados e farmácias. Em alguns supermercados, como na Rede Vivo, há um horário especial para atendimento das pessoas do grupo de risco. Também é limitado o número de pessoas em compras. Cuidados com a higienização também foram adotados, conforme prevê o decreto municipal.

Penalidades – Em caso de descumprimento, a empresa poderá perder o alvará. Para o cumprimento das medidas decretadas, o município contará com o apoio do Exército, Brigada, Polícia Federal, Polícias Rodoviárias, Guarda Municipal, Judiciário Estadual e Justiça Federal.

Fiquem em casa
Numa das atividades do Gabinete de Crise, o prefeito Tiago esteve reunido com o major Azeredo, comandante da Cia Com. Ficou definido que a partir deste sábado (21) iniciará um trabalho de conscientização com o uso de carros de som da Prefeitura e do Exército. Às 9h e às 16h os veículos estarão fazendo seus itinerários para veicular uma mensagem pedindo pra que as pessoas sigam as determinações de segurança e se mantenham em casa, especialmente os idosos.

Sem ônibus no final de semana
Boa parte dos usuários da Centro-Oeste são os idosos, que fazem parte do grupo de risco. Para evitar que muitos saem de casa, a empresa reduziu a linhas. No sábado as linhas serão suspensas à tarde (a partir das 13h). Já no domingo os ônibus não saem da garagem. Segunda (23) o funcionamento volta ao normal.

Conscientização em ação
Na manhã deste sábado, a Defesa Civil, a Vigilância Epidemiológica e a Brigada estão fazendo uma patrulha aos estabelecimentos comerciais para orientar sobre os procedimentos que devem manter na questão da higienização. Novos decretos estão em estudo pela Prefeitura e podem ser anunciados nas próximas horas pelo Gabinete de Crise montado pelo prefeito Tiago.

Postos de combustíveis
fechados aos domingos
O governo do RS determinou restrição do horário dos postos de combustíveis e de suas lojas de conveniência como forma de conter a expansão do coronavírus. Em decreto publicado na noite de sexta, o governador Eduardo Leite decidiu que os postos de todo Estado, e em especial as suas lojas de conveniência, poderão funcionar de segunda a sábado, das 7h às 19h. Está vedada a abertura destes estabelecimentos aos domingos. (Fonte: Gaúcha ZH)

60 casos de coronavírus no Estado
Uma segunda atualização nos casos confirmados de coronavírus no Rio Grande do Sul durante a noite da sexta (20) elevou o total no estado para 60. Os dados são da Secretaria Estadual de Saúde.

Até o fim da tarde desta sexta, o número de casos confirmados de pessoas infectadas pelo novo coronavírus no Brasil havia passado de 900, com mais de dez mortos.

O número de casos de infecção pelo novo coronavírus no mundo chegou a 275.469 neste sábado.

Em Santiago, um rapaz está em isolamento e uma senhora internada na CTI. Ambos fizeram exames, mas ainda não foram divulgados os resultados.

Novas medidas para Jaguari
O prefeito Beto Turchiello anunciou um novo decreto para enfrentamento do Coronavírus. Entre as medidas do novo decreto estão: Comércio fechado, atendimento somente com serviço de tele-entrega. Restaurantes e lancherias com horário reduzido das 11 às 14 horas, desde que obedeçam as exigências de higienização. À noite somente com tele-entrega. Bares serão fechados para atendimento ao público.



Notícia FAKE NEWS
envolvendo aposentados

O INSS publicou nota desmentindo a informação que circula pelas redes sociais de que o aposentado acima de 60 anos que estiver circulando na rua, no período de quarentena, terá sua aposentadoria suspensa por tempo indeterminado. Além disso, segundo a publicação, filhos e netos com mais de 18 anos também receberão uma multa de R$ 1.045.



PUBLICIDADE:

NICOLA VEÍCULOS

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios