Giro crítico e noticioso

Torra-torra de dinheiro 
público ou necessidade?
Enquanto os deputados votam por um fundo eleitoral de 3 bi e 800 (Flávio Bolsonaro votou sem ver), ministros do Tribunal de Contas da União gastarão 60 mil em diárias  para participar de evento a 500 km do estádio onde o Flamengo poderá jogar a final contra o Liverpool. Afinal, são congressistas ou flamenguistas?

Obs. O Fundo Eleitoral ainda precisa ser aprovado no relatório final a ser votado na CMO e no plenário do Congresso dia 17. A seguir assim, parte do montante sairá da saúde e educação. 

De carro para Brasília
De Capão do Cipó partiu um carro oficial do prefeito para uma viagem de 4 mil km; 8 mil de ida e volta. Na comitiva do prefeito Froner (PP) também foram o secretário de Obras, Tiago Tissot e o vereador Miro. (veja eles na foto)

Fato inédito
A notícia da viagem repercutiu na Câmara. Tiago Rosado (MDB) falou que não entendeu o que o secretário de Obras foi fazer junto e criticou a viagem: “Essa foi a primeira vez na história que um prefeito atravessou o país de carro”, disse.

Jairo Charão (PDT) – “Resolveram ir de carro para gastar o dinheiro do povo, debochando dos cipoenses com o dinheiro alheio”.

Luiz Osório Manente (PDT) – Disse que gostaria de saber o porquê do prefeito ter ido a Brasília de carro em vez de avião. E que será uma semana de diárias para quatro pessoas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios