Uruguaiana: Justiça Federal recebe inquérito contra Paulo Pimenta

O líder do partido na Câmara dos Deputados é investigado por suposto calote de 12 milhões na venda de arroz em São Borja. Os produtores alegam ter sofrido o golpe após vender a produção para a arrozeira. Entregaram os cereais, mas não receberam o pagamento. O veterinário Antônio Mário Pimenta, primo do deputado, foi quem denunciou o esquema.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios