Deputado Eduardo pode ser suspenso por um ano

O PSL decidiu pela suspensão de 14 deputados alvos de processos no Conselho de Ética por ter feito ataques ao partido e a correligionários.
Eduardo Bolsonaro recebeu a maior punição e pode ser suspenso por um ano.

A decisão não tem efeito imediato e precisa ser referendada pelo Diretório Nacional, que se reúne na semana que vem. Se for mantida, o filho do presidente perde a liderança do PSL e todas as cadeiras que ocupa nas comissões temáticas.

A suspensão de Eduardo e de aliados é um banho de água fria dentro da ala ligada ao presidente Bolsonaro que queria a expulsão para conseguir sair do partido sem perder o mandato.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios