Tentativa de feminicídio e homicídio em Jaguari: réu ganha liberdade provisória

Na tarde desta terça, 10, o jaguariense Ronairo Gigorski ganhou liberdade provisória, graças a um pedido da defesa composta pelos advogados Dionísio da Costa, Isaque dos Santos Dutra e Darlene Snovareski.

Ronairo estava preso há mais de 30 dias. Contra ele foi oferecida denúncia pelo Ministério Público em face aos crimes de tentativa de homicídio e feminicídio contra Simone Bolzan Stanislawski e Marcelo Dias Minuzzi, mais posse e porte ilegal de arma.

O processo segue, porém, 
com o réu em liberdade
Após o recebimento da denúncia, a defesa ofereceu resposta à acusação e requereu a liberdade provisória do acusado. Ao analisar o processo, o juiz não identificou mais a necessidade da manutenção da prisão preventiva e a  revogou, concedendo a liberdade provisória mediante algumas condições estabelecidas.

Desta forma, o processo tem andamento, porém, o réu poderá responder ao processo em liberdade até seu julgamento.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios