Giro crítico e noticioso

Momento único! 
Assim disse o deputado Marcelo Brum ao relatar encontro com a ministra Damares Alves, que foi provar seu chimarrão. Ela é do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos.

Campanha pró asilo de Santiago

Hoje recebi os amigos Roque Polga e Luiz Antônio Peruffo, da direção e Amigos do Asilo. Eles divulgam a campanha Asilo de Cara Nova. Cada pessoa pode doar 80 reais ao mês e ajudar na grande obra que mudará toda a atual estrutura. E só faltam os “finalmente”, pois a comunidade já doou mais de um milhão para a nova sede. Vamos lá! Falta pouco!

É um pássaro ou a 
Polícia Federal?
(por João Lemes) Hoje se viu vários helicópteros nos céus de Capão Cipó. Aí já “roncou nas tripas da turma” mais afoita que seria a Polícia Rodoviária Federal atrás de bandidos, atrás de caixa d’água, atrás dos que mandam cometer atentados contra sindicalistas, mas não era nada disso. Era só uns fotógrafos tentando ganhar uns trocos fazendo registros de terras.

Sem água pras visitas
Capão do Cipó – O vereador Luiz Osório Manente (PDT), falou que recebeu reclamação de vários cipoenses quanto ao abastecimento de água no interior. E que tem gente que sente vergonha em falar que é de Capão do Cipó. “Recebem visitas e não tem água sequer para beber. A rede que levará água para os assentamentos recém está sendo feita, apesar dos poços serem abertos na administração passada, disse.

Brigada Militar prende foragido
Santiago – Uma guarnição de serviço do Pelotão de Operações Especiais (POE), durante preservação da ordem pública, abordou o indivíduo de iniciais P.V. Conforme o sistema informatizado, ele estava em situação de foragido. Diante dos fatos, foi encaminhado à Delegacia  para providências. (foto acima)

Prenderam a dupla da carneada
Cacequi – Policiais militares foram informados sobre ocorrência sobre um furto abigeato perto da linha férrea. Durante averiguações, foram localizados dois indivíduos: R.S.R, de 33 anos; e M.C.L, 38 anos. Eles estavam de posse de 70 kg de carne bovina e diversos objetos, como facas etc. Ao serem indagados, indicaram o local onde estava a carcaça do animal, reconhecido pelo dono. Diante dos fatos, todos presos e encaminhados à Delegacia para providências.

A doença de Janot 
O ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot (esquerda) disse que entrou uma vez no Supremo Tribunal armado para matar o ministro Gilmar Mendes (direita) por causa de insinuações que ele fizera sobre sua filha em 2017.

“Não seria ameaça. Ia ser assassinato mesmo. Ia matar Gilmar e depois me suicidar”, afirmou Janot ao jornal O Estado de S. Paulo. O motivo seria uma desavença entre os dois durante a análise de um habeas corpus do empresário Eike Batista.

O ex-procurador narra o episódio no livro de memórias que está lançando, sem nomear Mendes, mas confirmou sua identidade ao ser questionado pela reportagem.

Obs. Mas o que está acontecendo no país? Por que essa loucuragem toda? Cadê o caldo de galinha e a aspirina?  

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios