Caos nas cadeias: o Estado é o bandido

ARTIGO DO DIA

(J.Lemes) O Estado nunca se importou com os presos. Com o que diz a constituição, que é tentar recuperar cada um. O bom negócio sempre foi socar na cadeia e, se morrerem lá, tipo bichos, melhor ainda, porque é mais econômico.
Está dando no que vem dando.

O ódio alimenta a vida
Para que consigam viver na ociosidade, sem ocupar-se de nada, o ódio vira um motivo para se continuar vivo. Para piorar, essa matança ultrapassa os muros das cadeias e controla o crime aqui fora, dando serviço dobrado à segurança. Culpa de quem?  De novo do Estado que não consegue barrar os telefones nem as drogas dentro dos presídios.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios