Assalto ao Sicredi e cordão humano em Santa Cruz

Onix queimado sobre ponte (Foto: Divulgação/Portal Arauto)

A técnica do cordão humano usada para atacar agências bancárias se repete no Estado. Hoje (dia 1º) foi atacada a do Sicredi, em Monte Alverne, distrito de Santa Cruz. O crime aconteceu no início da tarde. Mais de 12 clientes e funcionários foram obrigados a formar o cordão.

Segundo o delegado Luciano Menezes, o grupo era composto de cinco criminosos distribuídos em 4 veículos. Um dos veículos foi incendiado sobre uma ponte para dificultar a aproximação da Brigada. Dois servidores do banco chegaram a ser levados como refém, mas foram liberados logo depois.
A Brigada está com 30 viaturas participando do cerco, mais o Batalhão de Aviação Aérea com helicóptero. Ninguém ficou ferido e até agora ninguém foi preso.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios