Pernambuco – Candidata do PSL gastou valor da campanha em gráfica de fachada

Pernambuco – Maria de Lourdes Paixão (68 anos) concorreu a deputada federal e fez apenas 274 votos. Entretanto, ela foi uma das que mais recebeu verba pública, repassada pelo PSL, partido do presidente Bolsonaro. Seu nome recebeu o aval do grupo político de  Luciano Bivar, presidente do PSL. O problema é que quase todos os 400 mil que recebeu ela gastou em uma gráfica que não existe.

Agora, Maria sequer lembra o nome do contador que figura na prestação de contas, tampouco justificou por que foi escolhida pelo PSL para receber tamanho valor. No partido, ninguém soube explicar e apenas negaram que Maria de Lourdes fosse candidata laranja criada para usar dinheiro público. (Folha de S.Paulo).

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios