O efeito manada

ARTIGO DO DIA

(João Lemes) O futebol é bonito; sempre será. Mas como em toda parte, a todo momento, pode haver o tal “efeito manada”, que deixa a muitos cegos, sem pensar.

Se cada torcedor do Pelotas estivesse só, nada teria ocorrido. “Eu nunca levei um soco na minha vida,” disse o presidente do Pelotas, Gilmar Schneider, mostrando o rosto inchado.

O incidente ocorreu no estádio da Boca do Lobo, depois do empate com o São Luiz, de Ijuí, pelo Gauchão. Torcedores invadiram uma sala e agrediram dirigentes. A baderna foi motivada pela falta de ingressos.

Quem disse que o homem é um ser racional que age pela razão, se enganou. O ser age pela emoção. E quem diz que nunca fará isso, pode estar mentido, uma vez que só ao sentir  a emoção para se ter certeza disso. (foto: Zero Hora)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios