Polícia bota as mãos em quadrilha fina em roubar soja

Na manhã desta quarta, 4, a Delegacia Especializada na Repressão aos Crimes Rurais e Abigeato e as Delegacias de São Borja e Carazinho, deflagraram a “Operação Areia”. O foco era uma quadrilha especializada no furto de grãos de soja estocados em “silos bag”. A ação policial ocorreu em São Borja e Carazinho, ocasião em que foram cumpridas nove ordens judiciais (cinco mandados de preventiva e quatro mandados de apreensão).

Em São Borja foram presos F.C.G.S. (33 anos), J.L.C. (32 anos) e V.A.C. (29 anos). Já em Carazinho foram cumpridos dois mandados e estão foragidos W.V.R. (22 anos) e F.S. (33 anos).

As investigações apontaram que o grupo criminoso era responsável pelo furto de soja em municípios da Fronteira Oeste. No transcorrer dos trabalhos investigativos, os agentes apreenderam, em maio, uma carreta clonada que havia sido utilizada numa ação em Bororé,  Maçambará, ocasião em que foram recuperadas mais oito toneladas de soja.
O comando das operações estava a cargo do delegado Guilherme Antunes.


Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios