Assassinado por engano dentro do hospital

SÃO LEOPOLDO – Gabriel Vilas Boas Minossi foi confundido com um alvo de criminosos e morreu aos 19 anos enquanto se recuperava de uma cirurgia no Hospital Centenário, de São Leopoldo. “O que falar nessa hora? Eu estou aqui no IML esperando para reconhecer o corpo, tentando juntar forças”, desabafa Marcelo Minossi, pai de Gabriel à Rádio Gaúcha.

Gabriel sofreu um acidente de moto ao voltar do trabalho. Ele deveria ter recebido alta na última quinta(8), mas devido ao quadro de pressão alta, o prazo de internação foi ampliado. Na ala cirúrgica, Gabriel ficou a três leitos de distância e chegou a trocar palavras com Alex Junior Abreu Tubiana, 28 anos, ex-presidiário que seria o alvo dos criminosos que invadiram a unidade de saúde nesta madrugada. (Fonte: Zero Hora)


Outros baleados
De acordo com a polícia, 29 tiros foram disparados dentro do quarto. Outras duas pessoas que estavam no local ficaram feridas na perna. As vítimas são outro paciente e sua madrinha, que o acompanhava. Os dois passam bem. Segundo delegado Alexandre Quintão, homem que era o real alvo do ataque está envolvido com disputas de tráfico de drogas na Vila Brás, em São Leopoldo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios