Giro crítico e noticioso

Eleição com Lula 
Nunca antes neste país um presidiário apareceu em primeiro lugar nas pesquisas de intenção de voto. Lula lidera, segundo os institutos, seguido de brancos e nulos. Bolsonaro e Marina vêm na sequência. Ao insistir em Lula, o PT sepulta suas chances de voltar à presidência, perdendo tempo em construir outro candidato.

Eleição sem Lula 
É o que vai acontecer: Lula não vai concorrer. Neste cenário, Bolsonaro estaria na frente, seguido de Marina, Ciro Gomes, Collor, Alckmin, Manuela e outros. A verdade é que a eleição presidencial deste ano é a mais enrolada, mais incerta e onde tudo pode acontecer.

Eleitor pêndulo
Eis o nome dado aos indecisos e que podem pender para qualquer lado. Há também, e aí talvez resida a maioria, que não quer brigas de esquerda com direita e vice-versa; quer propostas, soluções e cabeça capaz de aglutinar, somar, unir.

Cadê a prova? 
A prisão está cheia de gente inocente, que diz que foi vítima de armação, mal-entendido etc. O ex-presidente Lula segue esse padrão. Não só ele diz que é inocente, como fez seus seguidores acreditarem que de fato seja. Ele reclama que a Justiça não provou que ele é culpado. Por outro lado, também não provou sua inocência. 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios