Tolerância zero para quem bebe e dirige

O motorista que bebeu qualquer gole de bebida alcoólica será
autuado por infração gravíssima. E o mesmo vale para quem comeu um bombom de
licor ou usou determinados medicamentos pois a nova lei prevê tolerância zero.
Nestes casos a multa será de quase dois mil reais e apreensão da carteira. E, se
o teor alcoólico estiver acima de 0,34 miligramas por litro de ar (ou seis
decigramas por litro de sangue), o equivalente a seis latinhas de cerveja ou
três doses de uísque, além das penas administrativas, o motorista poderá pegar
de seis meses a três anos de prisão, mais pagamento de multa e cassação da
carteira.
Basta à violência
As medidas previstas pelo Contran serão aplicadas imediatamente pelos
agentes de trânsito nas blitze de todo o país, inclusive no próximo feriado de
Carnaval. Conforme Aguinaldo Ribeiro, ministro das Cidades, “não se reduz os
acidentes por decreto, mas é preciso dar um basta à violência do trânsito.
Queremos é mudar a postura da sociedade em relação ao risco do uso do álcool ao
volante.”

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios