Giovani Pasini opina sobre desarmamento

“Desarmar o cidadão, que possui o armamento legalizado, nunca será a saída para a diminuição da violência. O caminho é desarmar os ladrões e os assassinos. Afinal, os dois revólveres que o Wellington possuía estavam legalizados? É óbvio que não. Além disso, desarmar a população idônea pode ser um artifício escuso, para outros objetivos maiores. Temos que estar atentos, para não sermos influenciados por uma calamidade. Já houve um plebiscito e a população votou NÃO.”
Giovani Pasini é capitão do Exército, escritor e presidente da Casa do Poeta de Santiago

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Mensagem para que o visitante desative o bloqueador de anuncios